• Telefone

    (45) 3324-5541

  • Onde estamos
    Rua Universitária n°1390 Universitário - Cascavel/PR
  • Entre em contato
    adunioeste@gmail.com

Notícias

CSD DIVULGA SÍNTESE DA REUNIÃO AMPLIADA DO COMANDO SINDICAL DOCENTE CONTRA O PL 19/2020

O objetivo da reunião foi tratar do PL 19/2020 e discutir estratégias para a luta imediata e as vindouras, pois foi consenso entre os participantes que a crise do capital e a configuração dos governos federal e estadual constituem uma conjuntura muito adversa à manutenção dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras, incluindo servidores(as) públicos(as)


Nesta quinta, 9/12/20, a reunião ampliada do Comando Sindical Docente contou com a participação de quase 100 docentes, entre lideranças das seções sindicais, docentes das bases das universidades e representantes da Regional Sul do Andes-SN.
O objetivo da reunião foi tratar do PL 19/2020 e discutir estratégias para a luta imediata e as vindouras, pois foi consenso entre os participantes que a crise do capital e a configuração dos governos federal e estadual constituem uma conjuntura muito adversa à manutenção dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras, incluindo servidores(as) públicos(as).
Dentre as propostas que surgiram na reunião, destacamos aquelas que são mais imediatas:
- Avaliar possibilidade de contestar judicialmente o parecer da CCJ que reconheceu como constitucional projeto de lei que fere dispositivo constitucional;
- Socializar informações por diversos meios compatíveis com as condições de restrições sanitárias: cards, redes sociais e outras formas de luta nas redes sociais;
- Alavancar a hashtag #DerrubaJáPLC19/2020;
- Realizar assembleias após a finalização das votações do PLC na Alep com o objetivo de informar e conscientizar as bases dos ataques efetuados pelo governo do estado;
- Elaborar um Calendário de mobilizações;
Para encaminhamento no início do próximo ano e, portanto, próximo ciclo de lutas:
- Pesquisar orçamento do estado e das universidades, com explicitação da redução orçamentária e a usurpação do governo resultante do congelamento de salários, promoções e progressões;
- Articular pauta econômica (salários e carreiras) x política (ataques à autonomia das universidades);
- Realizar campanha pela “Vacinação já!” como mote para unificar a luta conjunta da classe trabalhadora;
- Retomar a formação político-sindical;
- Fazer uma campanha de denúncias por meio de enquetes curtas e depoimentos tratando da precarização das condições de trabalho;
- Avaliar a viabilidade de uma ação jurídica contra as perdas salariais.
- Não ao PLC 19/2020!
- Pela unidade da categoria docente no estado!